top of page

Novo Horizonte do Norte há vários pleitos eleitorais tem somente dois candidatos para prefeito

O atual prefeito, Silvano Pereira Neves (MDB) nem poderá ir à reeleição, pois está no seu segundo mandato, e por outro lado, também nem definiram ainda qual será o nome que sairá cabeça de chapa do grupo político da situação, entretanto, tudo leva a crer que escolherão os nomes ainda nesse mês ou início do próximo mês de acordo com algumas informações.



Entretanto, o grupo político no comando do poder executivo no município, dizem terem diversos nomes com potencial e com boa aceitação para ir ao pleito eleitoral, todavia, nos bastidores se observa que no final, a escolha será entre o atual vice-prefeito, Felipinho Honório de Oliveira (PL) e/ou do ex-secretário de obras, o qual já foi vice-prefeito no primeiro mandato do atual prefeito, Zé Nilton de Brito (MDB), podendo inclusive, compor a chapa da situação, de acordo com algumas fontes, sendo um cabeça de chapa e outro de vice.


Esse é o processo que impede o Agenor ser candidato em NHN
.pdf
Fazer download de PDF • 99KB

Por outro lado, na oposição, o ex-prefeito por dois mandatos, nos períodos de (1997 a 2000) e (2001 a 2004), Agenor Evangelista da Silva colocou o seu nome como pré-candidato para prefeito pelo União Brasil, na realidade, esse será o nome da oposição ou quem organiza o grupo de oposição há vários pleitos eleitorais contra o grupo político que vem administrando o município desde 2005.


Portanto, somente precisamos saber qual nome a situação escolherá para ir ao pleito eleitoral, mais sabemos que os nomes em maior evidência na situação, são os dois citados acima, o do ex-secretário de obras, e que já foi vice-prefeito no primeiro mandato do atual prefeito, Zé Nilton de Brito (MDB) e o do Felipinho Honório de Oliveira (PL), mas precisamos saber se caso o embate for entre esses nomes, quais serão os vencedores, ou se a população tem outros nomes em mente.


Todavia, o ex-prefeito, Agenor Evangelista da Silva tem uma pedra no caminho, pois apesar de ter colocado o seu nome como pré-candidato para concorrer ao pleito eleitoral para prefeito, terá de enfrentar na justiça a sua condenação que transitou em julgado em 10/08/2017 tornando o inelegível por 8 anos, logo, de acordo com essa sentença, ele estará apto a concorrer para algum pleito eleitoral ou exercer o seu direito ao voto apenas no próximo ano, em 2025.


Ainda no mês de março, foi verificado essa situação junto ao fórum de Porto dos Gaúchos, como pode ser verificado na imagem do chamamento dessa matéria ou no arquivo em PDF postado acima, onde consta o processo e a data da condenação que demonstra estar o pré-candidato em dívida com a justiça eleitoral, nem podendo concorrer ainda nesse pleito eleitoral.



E nessa data, qualquer pessoa tendo os dados do pré-candidato, sendo eles, o nome completo do pretenso candidato, nome do pai e da mãe, data de nascimento e o número do CPF, pode consultar direto no site do TSE, como fizemos, para confirmar a informação de que o pretenso pré-candidato nem está apto junto a justiça eleitoral para concorrer ao pleito eleitoral até o presente momento (Como pode ser visto na imagem acima, ou arquivo em PDF abaixo).


Portanto, alguns se perguntam se o pré-candidato vai querer concorrer mesmo assim, amparado por alguma decisão liminar judicial?. Trazendo insegurança ao pleito eleitoral, e as vezes obrigando ao município ter uma outra eleição suplementar, igual ocorreu em outros tempos?. Essa é a pergunta que alguns moradores da localidade já começaram a se perguntar e chegou ao nosso conhecimento.

 


Certidão emetida nessa data e verificado que o atual pré-candidato nem pode ser elegivel
.p
Fazer download de P • 234KB

Por: Maurilio Trindade Aun

Licenciatura Plena em Matemática e Acadêmico no nono período em Direito na Unemat.

Commentaires


Guia Digital da Cidade_edited.jpg
Mandala%20do%20L%C3%ADrio_edited.jpg
bottom of page